Poema do diário de Frida

11 set

Diego. princípio

Diego. construtor

Diego. meu bebê

Diego. meu noivo

Diego. pintor

Diego. meu amante

Diego. meu marido

Diego. meu amigo

Diego. meu pai

Diego. minha mãe

Diego. meu filho

Diego. eu

Diego. universo

Diversidade na unidade.

Porque é que lhe chamo Meu Diego?

Ele nunca foi e nem será meu.

Ele pertence a si próprio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: