LEVAR A VIDA NA FLAUTA

4 mar

Algum sujeito desavisado talvez achasse a melhor definição para o termo “levar a vida na flauta” como: prostar-se num confortável sofá na frente da tevê a assistir toda programação que houvesse ou ainda, a sombra de uma árvore, olhando a vida passar, sem muito esforço, sem preocupações. Intitulando-se assim, o esperto, o boa vida. Aqueles verdadeiramente espertos, antenados ao mundo contemporâneo, ligados a conectores a cem mil por hora, o termo está envolto a saber-fazer, querer-fazer e conseguir-fazer tudo que há de melhor, num corre-corre frenético. Sim, e porque não!? Coberto de ações de lealdade, de escolher bem as palavras, de fazer o que tiver de fazer com paixão e ver tesão no que irá alcançar com determinada ação, e sempre, sempre por a poesia do amor à frente de tudo. Enfim, realizar! Levar a vida na flauta, suavemente…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: