Tag Archives: lua

Dona – Uma Introdução

18 jul

Vinte e cinco horas, tempo exato e contado minuciosamente pelo relógio psicológico. Talvez minutos antes ou depois, o que pouco importa, levando em conta os anos de espera para que as palavras fossem juntando-se sorrateiramente em busca da frase perfeita. Sorri, como se o sorriso transformasse décadas em textos prontos de uma história resumida.

Sorri!

Os eucaliptos soavam de um lado a outro da estrada debruçando suas folhas secas anunciando minha passagem, cobrindo os sonhos de realidade como uma imensa onda cobre o barco no berço do mar.

Sorri!

Dei-te sem palavras o abraço mais longo e o sorriso mais terno que os arvoredos jamais puderam presenciar; partiste numa viagem longa…

O número prefaciado é exatamente o mesmo, talvez um tanto mais, um tanto menos. Que importa o tempo contado cronologicamente, se a verdade está sempre no ar?As paisagens, o lugar, a trilha. Todos os contos são um pouco de personagem, um pouco de persona. A voz harmoniosa e delicada sussurrando aos ouvidos estará cantando as belas canções de amor que os amantes preservarão aquecidas sempre que  para ti voltar.

E tão bela e casta lhe parecerá a lua!

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: